16 de fevereiro de 2010

Um deles é arrastado de dentro da própria casa

O tratamento é o mesmo para criminosos. A polícia chega. Os moradores se concentram no local e torcem para que os homossexuais sejam presos. As cenas foram registradas por uma emissora de TV no Quênia e em Malauí.

Na primeira ação, os policiais prendem um casal gay do Quênia que planejava realizar o próprio casamento em uma cerimônia simbólica.
Em outra, a polícia chega a uma casa e arrasta com violência outro homossexual que tenta resistir à prisão.

As duas cerimônias simbólicas de casamento gay, uma que seria no Quênia e outra realizada em Malaui geraram um clima de que uma "agenda homossexual" está chegando aos países da África vinda do Ocidente.

"Estes atos imorais não são da nossa cultura, pois eles estão vindo de fora" disse o ministro da Informação e Assuntos Cívicos, Leckford Thotho.

A homossexualidade é considerada crime em vários países da África. Os evangélicos radicais contribuem para a promoção da homofobia junto ao governo. FONTE

Comentários Facebook
Comentários Blogger

0 Comentários:

Postar um comentário